05/01/2018

Sanda

SANDA

Após a guerra russo-japonesa no início do século XX, o governo chinês decidiu que suas tropas militares deveriam adotar um treinamento, específico para a luta corporal, que seria inspirado nas tradicionais artes marciais chinesas, visando a auto-defesa, o condicionamento físico e a saúde de seus soldados. Para isso, em 1924 foi construída a Academia Militar Whampoa. Mais tardes essas mesmas técnicas foram adaptadas para oficializar um esporte de combate, que foi então denominado Sanshou(“mãos livres”). O nome Sanda(“luta livre” ) é mais antigo, mas teve um estigma muito grande por ser associado a lutas clandestinas. Por essa razão acabou abandonado por vários anos, em especial após a criação de regulamentos objetivando a consolidação da atividade como esporte, mas recentemente foi resgatado como denominação oficial. No Brasil, os principais campeonatos de Sanda são organizados pela Confederação Brasileira de KungFu e Wushu (CBKW).

CONTEÚDO DE AULA

É comum o Sanda ser ensinado em conjunto com as atividades tradicionais de Kung fu, tendo um foco maior no que seriam consideradas habilidades práticas de combate. Durante os treinos são usadas roupas leves, geralmente calção e regata, e, sendo praticado no tatame, o aluno fica descalço. Por ser um esporte de contato, é comum o uso de aparatos protetores, como luvas e caneleiras. Nos treinos em que são realizadas lutas (apelidadas de “luva”), também é exigido que o aluno uso os equipamentos equivalentes ao da luta competitiva: capacete, protetor bucal, protetor torácico e coquilha para os homens.

Seguimos o Sistema de Graduação em Wushu Sanda da Confederação Brasileira de KungFu e Wushu, sendo a faixa do aluno reconhecida pela Federação Estadual. O currículo básico tem 6 níveis; a partir do quinto nível é considerado que o aluno tem como objetivo tornar-se instrutor, e portanto são exigidos conteúdos extras como primeiros socorros e participação em eventos esportivos. O material e diretrizes completos podem ser conferidos na página oficial da CBKW.